Prefeitura distribui kits e fortalece prática esportiva nas comunidades

A Prefeitura do Pilar segue estimulando a prática de esportes enquanto instrumento de inclusão social. Cada vez mais pilarenses podem contar com espaços públicos que propiciam o esporte e o lazer. E aliado ao permanente investimento em infraestrutura, o Município também iniciou a distribuição de uniformes e kits de material esportivo, atendendo, assim, à solicitação das comunidades.

É o caso do Conjunto Imburi, cujos moradores já receberam dezenas de bolas de futebol, voleibol e queimado, além de apitos e pares de redes. As equipes da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer também já estiveram no bairro Mangabeiras e no Conjunto Casas Novas, onde foram entregues mais de 50 peças, como explica o diretor de esportes Irisnaldo Silva.

“Fizemos um levantamento para que a Prefeitura pudesse contemplar todos os times de futebol. Quase cem uniformes foram solicitados, e o prefeito Renato [Filho] já garantiu a compra, inclusive, para as equipes amadoras do município”, afirma o diretor, acrescentando que os 13 times participantes do Campeonato Pilarense – retomado no último dia 17 – vão receber uma ajuda de custo no valor de R$ 2 mil cada.

E a Prefeitura também vai entregar, em breve, mais dois campos de futebol, no Cidade Jardim e na Avenida do Futuro, como adianta o prefeito Renato Filho.

“Também já reformamos várias quadras poliesportivas para permitir que o pilarense possa se exercitar na própria comunidade. Some-se a isso o cuidado com os estudantes que frequentam o nosso complexo esportivo, onde garantimos toda a estrutura necessária para a prática das dezesseis modalidades ofertadas”, avalia o gestor.

Ainda segundo o prefeito, os 12 desportistas que, atualmente, recebem o Bolsa Atleta Municipal também vão receber uniformes completos. “Vamos padronizar a vestimenta dos nossos atletas, para que eles possam nos representar, Brasil afora, com um uniforme à altura das competições que disputam”, reforça Renato Filho.

Gleyci Kelly dos Santos recebe o Bolsa Atleta, no valor de 1 salário mínimo/mês, e destaca a importância do apoio do Município.

“Só tenho a agradecer porque são poucos os municípios no Brasil que dispõem de tamanha estrutura e desse olhar diferenciado para com o atleta. Todos sabem que as despesas de um atleta são altas, da alimentação ao transporte. Mas toda ajuda é sempre muito bem-vinda”, conta a pilarense campeã no heptatlo e terceira colocada no lançamento de dardo durante a disputa dos Jogos Escolares Brasileiros (JUBs), realizados há uma semana, em Brasília-DF.